O melhor homestay do Laos

Estávamos cansados, com fome e sede. Passamos um dia inteiro em condições que é melhor nem comentar.

Já estava escuro quando chegamos em uma pequena vila, a primeira depois de muitos e muitos quilômetros. Sem muita opção, resolvemos procurar um teto para passar a noite. Batemos na porta de uma casinha de madeira (todas ali eram de madeira), e esperamos alguém aparecer. Tivemos tanta sorte, que logo nessa casinha tinha alguém que falava inglês e de bom coração.

Explicamos para ele a nossa situação, e pedimos se poderíamos passar a noite na sua casa . Ele nos disse que não, já que sua esposa tinha dado à luz a apenas 2 dias e segundo a tradição deles, nenhum estranho poderia entrar na casa pelos próximos 3 dias. Mas, disse que poderíamos ficar na casa do pai dele, se não nos importássemos porque a casa era pequena. É claro que não nos importávamos.

IMG_20140509_210224

Ele nos levou lá e uma outra mulher da família foi junto para ajudar a arrumar o lugar. Era uma casa muito simples, de um só cômodo. Não tinha mobília, nem eletrodomésticos, só um tocador de DVD portátil. A comida era feita no chão em algo como uma fogueira. Eles tinham energia elétrica de painéis solares.

IMG_20140510_070457

Nós pedimos se eles tinham alguma comida, qualquer coisa e a mulher começou a fazer fogo para cozinhar algo só pra gente. Falamos que não precisava, mas ela fez mesmo assim. Fez arroz e um cozido com vegetais frescos, um pouco de carne seca, cogumelos e é claro, pimenta! Comemos com muita felicidade enquanto tentávamos manter uma conversação com eles. O pai e a mulher não falavam nada de inglês, mas conseguimos falar um pouco em lao.

Dormimos embaixo de um mosqueteiro, em uma esteira no chão e olha que estava melhor do que muitas camas de hotel que dormimos por ai.

IMG_20140509_210621

Acordamos cedo no outro dia e fomos conhecer o bebê novo, que agora podia ser visitado. Ele era tão pequeno. A mãe parecia cansada, imagine só, ela teve o filho ali, sem hospital nem médico!

IMG_20140510_071724
A mulher da outra casa fez mais comida pra gente, e outras pessoas da vila se reuniram lá para nos conhecer, todos bem curiosos. Nenhum falava inglês, mas nos comunicamos um pouco por sorrisos e gestos.
O Luigi se divertiu brincando com algumas crianças que estavam na casa.

IMG_20140510_062725

Nós deixamos algum dinheiro com eles, mas não acho que eles nos ajudaram por isso. Fiquei muito emocionada com tudo o que essas pessoas fizeram por nós e com o carinho com que nos trataram. Queria abracar a mulher, mas acho que seria meio estranho porque eles não costumam ter esse tipo de demonstração de afeto.

IMG_20140510_065644

Foi uma das melhores experiencias que tivemos no Laos e eu sempre vou lembrar dessas pessoas com muito carinho.

Olá, criei o blog para compartilhar experiências de viagem, atualmente estou viajando pelo sudeste da ásia e tento postar tudo aqui no blog pra vocês. Espero que meus relatos e dicas te ajudem e inspirem a viajar também!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *